Sexta-feira, 16 de Janeiro de 2009

Drogas ilícitas

Uma droga é qualquer substância, natural ou sintética, que provoca alterações no funcionamento do organismo de quem a consome. Muitas das drogas são consideradas psicoactivas porque actuam sobre o sistema nervoso central, alterando o humor, o grau de percepção e a capacidade de pensar, analisar, abstrair, julgar e agir.

 

As drogas ilícitas, de acordo com os efeitos que produzem no sistema nervoso central, podem ser classificadas em 3 categorias: estimulantes, depressoras e alucinogénias.

 

Estimulantes – aumentam a actividade mental. Afectam o sistema nervoso central, acelerando o seu funcionamento. Provocam insónias, irritabilidade, excitação, hipertensão arterial e falta de apetite. Como exemplos temos a cocaína e as anfetaminas.

 

 

 

 

Depressoras – diminuem a actividade cerebral. Afectam o sistema nervoso central, retardando o seu funcionamento. Diminuem também a concentração, a memória, a tensão emocional, a capacidade intelectual e a coordenação motora. Provocam sonolência. Como exemplos temos o ópio e seus derivados (heroína e morfina), os inalantes, os tranquilizantes e os ansiolíticos.

 

 

 

Alucinogénias – afectam a percepção, provocando dustúrbios no funcionamento do sistema nervoso central. Diminuem a capacidade de memória, de concentração e de acção. Afectam a percepção do tempo e do espaço. Como exemplos temos o LSD, alguns cogumelos, o ecstasy e o haxixe.

 

 

 

 

 

 


publicado por Luís Dias às 21:10
link do post | comentar | favorito
blogs SAPO

.subscrever feeds