Segunda-feira, 12 de Janeiro de 2009

Gestação

1º Mês - O embrião, que se encontra ligado à placenta por uma haste muito pequena inicia o seu desenvolvimento. Ao fim de um mês de gestação tem aproximadamente 0,6 cm de comprimento e pesa cerca de 1g.

2º Mês - A face começa a apresentar traços humanos mais definidos. Inicia-se a ossificação, bem como a definição anatómica do sexo. O embrião mede agora cerca de 2,5 cm e pesa aproximadamente 10g.

3º Mês – O embrião passa a ser feto. Os principais órgãos estão formados e já se consegue ouvir o bater do coração. Abre a boca, pestaneja e já dá cambalhotas, embora os movimentos ainda não sejam perceptíveis à mãe. Mede cerca de 5 cm e pesa aproximadamente 35g.

4º Mês – A mãe começa a sentir os movimentos fetais, embora muito ténues. O feto consegue a abrir e fechar as mãos e franzir as sobrancelhas. Já mede 16 cm e pesa cerca de 360 g.

5º Mês – Os seus movimentos sentem-se mais nitidamente. Começa a acumular gordura debaixo da pele, aparecem as unhas e chupa no polegar simulando os movimentos de amamentação. Mede cerca de 25 cm e desenvolve-se rapidamente, pesando cerca de 500 g.

6º Mês – Ouve agora com mais nitidez, quer os sons do organismo da mãe, quer os do exterior. A pele está formada, apresentando inclusive impressões digitais e já se vêem os primeiros pêlos. Mede cerca de 30cm e pesa aproximadamente 1 kg.

7º Mês – Nesta altura normalmente vira-se de cabeça para baixo, mantendo-se assim até ao parto. Mexe-se e cresce muito. Os sistemas respiratório e digestivo estão quase totalmente funcionais. Mede à volta de 35 cm e pesa cerca de 1,5 kg.

8º Mês – Cresce muito e continua a engordar – condição essencial para que o seu sistema de regulação de frio/calor, fique totalmente funcional. A cabeça vai forçando o colo do útero. Já mede cerca de 45 cm e pesa 2,5 kg.

9º Mês – A camada de gordura acumulada na pele é suficiente para regular a temperatura do corpo após o nascimento. Dada a falta de espaço no útero mexe-se menos. Pesando entre 3 a 4 kg, e medindo cerca de 50 cm, está pronto para nascer.

 

 


publicado por Luís Dias às 09:50
link do post | comentar | favorito
blogs SAPO

.subscrever feeds