Segunda-feira, 12 de Janeiro de 2009

Formação dos espermatozóides

Os espermatozóides são os gâmetas masculinos e são produzidos de forma contínua ao durante toda a vida do homem. A partir da puberdade, o homem começa a produzir milhões de espermatozóides por dia, contudo esta produção vai diminuindo com a idade.

Os espermatozóides são células de pequenas dimensões, com cerca de 0,6 mm de comprimento, e são formados pela cabeça (onde está alojado o material genético), pela peça intermédia (constituída pelo colo e pelo corpo) e pela cauda (flagelo de cerca de 0,5 mm de comprimento, que lhes permite moverem-se).

 

 

 

 

Os testículos são constituídos por inúmeros tubos seminíferos, canais muito finos e compridos, nos quais se localizam células específicas, designadas células germinativas, que se modificam e transformam em espermatozóides. Depois de formados, os espermatozóides passam para os epidídimos e em seguida para os canais deferentes, onde se juntam ao líquido seminal, produzido pelas vesículas seminais e ao líquido prostático, produzido pela próstata. Ao conjunto dos líquidos prostático e seminal e dos espermatozóides, chama-mos de esperma (líquido esbranquiçado libertado durante a ejaculação pela uretra).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


publicado por Luís Dias às 10:25
link do post | comentar | favorito
blogs SAPO

.subscrever feeds